terça-feira, 18 de fevereiro de 2020

Passaporte


Vestiu-se de anti-insônia dentro dos cílios e quis com ímpeto atravessar o oceano para fazer companhia à moça durante o tríduo momesco. Ao sabê-lo, estranhamente, ela gargalhou tão alto que o fez acordar do outro lado do continente, desiludindo-o.

"Colombina eu te amei
Mas você não quis
Eu fui para você
Um pierrot feliz".

E assim vestido nesta fantasia, ele saiu pela sua sala de visitas cantarolando a antiga marchinha, enquanto os pés ensaiavam os primeiros passos do Carnaval solo que acontecia ali mesmo sem as batidas dos tamborins e os roncos da cuíca e o coração aos pedaços.

(José Carlos Sant Anna)

17 comentários:

  1. pois é, meu caro José Carlos
    ou se entra, em tempo certo, na marchinha
    ou então se passa todo o tempo do corso a desacertar.
    e o Carnaval perde o seu encanto.

    enorme teu talento. mas tu sabes.

    grande abraço


    ResponderExcluir
  2. Melancolía y añoranza en tus letras, amigo mío. Tener esa sensación es triste.

    Mil besitos de cariño para ti.

    ResponderExcluir
  3. pois é

    por vezes temos de cantar para o coração nao se despedaçar mais.

    mas, ele ainda tem um truque guardado na sua fantasia, ele tem o passaporte, que o levará até onde ele imaginar.

    e que venha o Carnaval e sua alegria...

    beijinhos

    :)

    ResponderExcluir
  4. No carnaval as máscaras são descartáveis
    Abraço

    ResponderExcluir
  5. Andamos sempre de máscara, não é só no carnaval. As fantasias e as marchas servem apenas para iludir a vida que escolhemos e aquela que não escolhemos…
    Sempre excelente, meu Amigo José Carlos.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  6. Um Pierô apaixonado hein Jcarlos
    É Carnaval _ não leve a mal o 'toco' da Colombina
    _tudo se acaba mesmo na quarta-feira, até um coração aos pedaços.
    Parabéns, andas muito bem nas suas escritas ao violão.
    beijo

    ResponderExcluir
  7. Usar máscaras no solo en Carnaval...
    Hay personas que las llevan todos los días...
    Si pudieran, hasta en el pasaporte.
    Un abrazo y una sonrisa, de verdad.

    ResponderExcluir
  8. E será o Carnaval... talvez o único dia, em que as máscaras cairão por terra?... E só assim Pierrot tomou coragem de se declarar a Colombina... mas como a vida são dois dias... e o Carnaval três... quem sabe no último dia, a Colombina, reconsidera?... :-))
    Uma publicação de excelência, bem no espírito da festa mais representativa do Brasil... e que ela seja passada por aí, o melhor possível... com alegria... mas longe de indesejadas confusões...
    Um beijinho, José Carlos! Desejando-lhe um feliz fim de semana, e um óptimo Carnaval!
    Ana

    ResponderExcluir
  9. 'Lamento Sertanejo' está emoldurando essa tua prosa poética tão bonita, mas bastante triste. A gente vai crescendo e desde criança tendo como símbolo do carnaval um pierrot apaixonado; já adultos, todos vemos um pierrot amargurado e melancólico!
    Acho que nem Freud explica!
    Beijo, José Carlos, adorei a leitura!

    ResponderExcluir
  10. Gostei desta sua crônica, caro amigo José Carlos, em homenagem ao Carnaval, que para muitos de nós, brasileiros, é um grande acontecimento, principalmente no Rio de Janeiro, com os desfiles na Sapucaí, na Bahia, em Olinda, no Recife e até em São Paulo.

    Um bom Carnaval, José Carlos, pulando ou descansando.

    Um grande abraço.

    ResponderExcluir
  11. Quem sabe?, há sempre uma Colombina à espreita nos momentos mais improváveis. Que rode o samba!

    Abraço

    ResponderExcluir
  12. El carnaval es una fiesta maravillosa.
    Buen homenaje a la Comedia del Arte.

    MIl besos.

    ResponderExcluir
  13. Bem pertinente em prelúdio de Carnaval.
    Pierrot sempre bobo... Bom saber que a desilusão não lhe
    roubou a vontade de foliar, talvez porque Arlequim
    não anda por ali...

    Já a música é bonita, mas tem a expressão de Pierrot!...
    Podia ser mais dançarina... Srrsssss...
    Tudo de bom, amigo.
    O meu abraço.
    ~~~

    ResponderExcluir
  14. Bailar en el Carnaval cuando llorar no se puede. Un gusto leerte amigo, saludos.

    ResponderExcluir
  15. Se tiñen las calles de máscaras cubriendo sus rostros! Paso a darte las gracias por tu visita a mi blog, eres bienvenido siempre que lo desees, sin necesidad de pedir permiso.
    Saludos y feliz comienzo de semana.

    ResponderExcluir
  16. Carnaval para mm máscaras que no quieren ser descubiertas. No me gusta el carnaval.

    Besos.

    ResponderExcluir
  17. Coração aos pedaços... passaporte sem validade. E, no entanto, o passo nunca esquecido.
    Já em cinzas, outra toada virá.
    Abraço.

    ResponderExcluir